sábado, março 31, 2007

A afundar



Não podia concordar mais com José Miguel Júdice quando dizia , no Público de ontem, que a questão da Ota pode decidir as próximas legislativas. Não só por causa do bruaá que o PSD anda fazer em volta do assunto, mas porque se está, finalmente, a criar uma consciência na opinião pública que a Ota não é melhor solução que o Poceirão, nem mesmo que Rio Frio que as questões que fizeram os Governos (PS ePSD) afastar estes últimos, os motivos ambientais, podem ser também aplicados à Ota, além de que o estudo de impacto ambiantal da Ota não estaja concluído e que está a levantar grandes dificuldades, o que levará a que o projecto possa ficar ainda mais caro. E a opinião pública começa a consciencializar-se que pode haver uma alternativa mais barata, mais rápida, com melhores acessibilidades, com mais impacto a nível da qualidade de vida e com o mesmo, senão menor, impacto ambiental.
O pior para o governo é que a este sentimento se aliam centenas de especialistas, vozes dentro do PSD, os comentadores, e pior, para eles, o PR. a decisão do Governo tem que ser rápida, e pode ser decisiva para o seu futuro. E mais, é decisiva para o país e é bom que não se esqueçam disso!

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial