domingo, fevereiro 25, 2007

Noitada

Bem, de volta, e logo em dia de Noitada. Ficam aqui as minhas apostas para as 4 principais categorias, se bem que não vi todos os filmes nomeados, uns porque não chegaram cá, outros porque não me interessaram, mas , fiquem descançados, vi, e bem, os principais nomeados.

Melhor Filme




Intenso, arrebatador, brutal, mostra o absurdo da Guerra e a lealdade dos soldados ao seu país: "até ao último homem". "Letters of Iwo Jima" é um filme genial de Clint Eastwood que suplanta em muito o seu antecessor, "o lado americano", "As bandeiras dos nossos pais". Dedica muito mais tempo à batalha em si, mas também à vida das personagens, demonstrando que por detrás da guerra não está apenas a vontade do líder, mas também as histórias dos soldados que defendem a sua pátria. Pensar que foi filmado em apenas 5 semanas mostra ainda mais o grande filme que é.


Melhor Realizador



Se bem que desconfio que é desta que a Academia vai dar o prémio a Scorsese, se é que ekle alguma vez o mereceu pelos filmes que foi nomeado, a minha escolha é de novo Clint Eastwood. Desculpem, sou um fã. Desde os tempos dos bons e velhos Westerns. Clint Eastwood mostrou a todos que é um realizador brilhante e que sabe muito bem o que quer nos seus filmes e atinge-o. Faz exactamente o que quer, e vê-se que há uma linha que ele não quer atravessar, e então vai até lá, e para. Se por algum motivo Cartas de Iwo Jima é o filme que é, deve-o muito a Eastwood.

Melhor Actriz

Não tivessem aparecido Clint Eastwood e as suas "Cartas de Iwo Jima" há duas semanas nos cinemas portuguese e "The Quenn" seria, para mim, o melhor filme de 2006. Continua a ser um grande filme que congrega a exigência de ser parte da realeza com a dor humana de se perder alguém. "Deixem-me consolar os meus netos que perderama sua mãe", diz a rainha a certa altura. Helen Mirren foi a escolha perfeita para a personagem de Rainha Isabel segunda. Soube interpretar na perfeição o papel da estadista que é a Rainha de Inglaterra e atribui-lhe uma figura humana. É sem dúvida a que mais merece o galardão de melhor actriz, se ainda não viram o filme vejam, se o viram não poderão discordar.


Melhor Actor

Gigante, imponente, desconcertante. De todos os nomeados "O Último Rei da Escócia" foi o último filme que vi e impressionou-me bastante. Não tem intenções de fazer qualquer julgamento ético sobre os massacres no Uganda ou mesmo sobre a figura de Idi Amim, mas sim contar uma história sobre o relacionamento do ditador com o seu médico, um jovem ideologista. Forest Whitaker interpreta o papel na perfeição, mostrando como um homem louco consegue traçar o destino de milhares de vidas, e condená-las à morte.

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial