quarta-feira, novembro 15, 2006

Desiludido ou impressionado?

Que há em Portugal pessoas racistas e xenófibas não é surpresa nenhuma, nunca pensei é que se fosse tão longe.
Ontem jantei com uma série de pessoas, uma mais, outras menos formadas, e o sentimento era geral, senti-me isolado, talvez com mais um ou dois, no meio de tanto argumento pelo qual os "pretos" não deviam estar cá, os ucranianos deviam voltar para a terra deles, , os russos são uns bêbedos malcriados, os holandeses e ingleses só vêm para cá explorar os portugueses, etc etc.
E se alguém se atreve a perguntar qual ea legitimidade das pessoas para estarem a dizer aquilo enquanto Portugal é um dos países que mais emigrantes tem, sou logo atacado pelo eterno argumento que os nossos não vão para lá explorar, roubar, causar distúrbios. Pois não, somos uns santos emaculados.
Mas o pior não é eles pensarem isso, são adultos, pensam o que querem, é imporem esses valores aos filhos, que os ouvem dizer "preto do ******* anda lá com o carro". E depois se os filhos dizem "olha o preto" levam logo uma reprimenda ou mesmo um par de estalos.
Pois é, mas são essas crianças que vão ser os adultos de amanhã, e se a sociedade, as escolas em geral, não incutem outros valores às nossas , não estejam à espera que as famílias o façam, porque a maior parte delas não o faz nem vão fazer!
Porquê? Fácil, vivemos numa sociedade que incute valores de diferenciação, em que se alguém tem algo diferente do que é considerado "normal" é gozado, humilhado, posto de parte, sejam gordos, negros, albinos, altos, baixos, deficientes, mal vestidos, bem vestidos... qualquer diferença é suficiente.
Sim, estou desiludido com esta sociedade de diferenciação, egoísmo e inveja social. Mas no final de contas não é nada que eu já não soubesse...

0 Comentários:

Enviar um comentário

Subscrever Enviar comentários [Atom]

<< Página inicial